PODBATER PODCAST # 06 seção 02

Novos ouvintes loucos

Novos ouvintes loucos

Como prometido, voltamos , eu e o professor Rodrigo Amorim, para mostrar um pouco das loucuras de alguns dos nossos ouvintes. Fugir do quartel, pular muro, caminhar vários quilômetros e sair do serviço direto para o dojo depois de um dia de cão, essas são algumas das dificuldades que nossos karateka passaram para treinar a arte das mãos vazias.

QUER ANUNCIAR CONOSCO?
contato@pintokaratedojo.com

LINKS:

Baixar podcastDownload qualidade 128 kbps
43Mb [29:30 min]

Eu sei que você se amarrou no cast de hoje, então deixa seu comentário e compartilha com os coleguinhas!

 

Anúncios

Sobre Pinto San

Estudante de karate há quase 20 anos, amante da cultura japonesa desde os 8 anos de idade e viciado em lámem. Casado com Priscilla Pinto ( filha de japonês), decidimos vir para o Japão pra levantar uma grana trabalhando nas terríveis fábricas japonesas, e treinar muito karate. Treino em um pequeno Dojo no interior do Japão, mas todos os anos em embarco em aventuras pelo país/ilha, procurando os melhores dojo de shotokan para aprender mais karate. Meu objetivo é simples, ser o melhor karateka do mundo! Claro que isso é impossível, mas no fim das contas o mais importante mesmo é a jornada.

Publicado em 17/12/2015, em POD BATER - Podcast e marcado como , , , , . Adicione o link aos favoritos. 4 Comentários.

  1. Ana carolina

    Sempre fui fera em fazer e tudo pelo karatê, já terminei até relacionamento de 4 anos . Kkkk
    Eu não escolhi o Karate foi ele que me escolheu. Osu!

    Curtir

  2. Christian vasconcellos

    Passei 4 anos morando em uma cidade e viajando 3 vezes por semana pra treinar em outra, muitas vezes treinava em dois horários. Horário de almoço usava o dojo e ficava sob a supervisão do Sensei em seus momentos de folga. Tempo bom adorava a faixa verde.

    Curtir

  3. Eu acordava 4h da manhã, andava 3,5km de Petrolina/PE até Juazeiro/BA pra treinar.. Passava pela ponte num frio da gota, sozinho de kimono… E ainda voltava a pé mais 3,5km. E ainda treinava 4 horários a noite, onde meu sensei ia eu ia junto com ele, de academia em academia….

    Curtir

  4. Thiago Silva

    Bom, eram quando era novinho 17/20 anos, e como treinava todos os dias tava acostumado, e parei sim pra estudar e trabalhar ahahha engordei alguns quilos (16), mas ainda treino hj em dia apenas 3 dias por semana 2 horas cada treino, intercalo com treinos de jiu jitsu, e pra falar a verdade o treino técnico era bem sofrido após o exercício físico mas acho que era mais pelo motivo de estar sobrecarregado dos treinos da semana, hj vejo que não era correto, mas com certeza eu faria de novo ahahhaha. Meu falecido professor prezava pela exercício, dizia que um karateka da goju ryu tinha que ter braços, pernas e principalmente abdômen forte.

    Curtir

Deixe sua opinião por favor. Oss!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: