HISTÓRIA DO KARATE EM OKINAWA -FINAL- Ryuei-ryu

Kenchu Nakaima - segunda geração do estilo

Kenchu Nakaima – segunda geração do estilo

Kenri Nakaima nasceu em Kume-mura (atual distrito de Kume na cidade de Naha), que era então um estabelecimento de descendentes chineses. Em 1839, aos 19 anos de idade, foi a Fuzhou na província de Fujin, na China. Transformou-se um estudante do famoso Ryu Ryu Ko para aprender o kenpo e táticas militares chinesas. Após muitos dias de duro treinamento, Nakaima foi reconhecido como mestre. Como uma prova disso, recebeu as instruções de Bubishi, de Hyoronshi, de Yojoho, de Kokufu e de Kenyushinpo.

Trouxe-os para Okinawa e criou o Ryuei-ryu, uma escola do karate

Kenko Nakaima terceira geração

Kenko Nakaima terceira geração

e de artes marciais com armas que é baseado em Kenpo chinês. Seu pedigree foi passado de Kenri Nakaima a Kenchu Nakaima e Kenko Nakaima aos presentes dias.

Seus kata típicos incluem: Anan, Heiku, Paiku, Niseshi e Pachu. Anan foi demonstrado por Tsuguo Sakumoto, com uma excelente vitória, conquistando o título do Kata Individual no Campeonato Mundial de Karate.
Desde então, ele tem sido demonstrado  por seus discípulos em Campeonatos Mundiais, Campeonatos Asiáticos, Campeonatos Japoneses, e no Festival Nacional dos Esportes. Consegue elevada avaliação mesmo hoje.

Kata Típico do Ryuei-ryu

Anan

 Sakamoto sensei

Ana Kata

Anan é o mais avançado dos kata de Ryuei-ryu. A ofensiva e os movimentos defensivos são integrados em um. As técnicas mudam sem uma ruptura, apenas como uma corrente de água que vai adiante.
As características incluem a ofensa usando o teisho (base da palma da mão), e o método da respiração.

 

Heiku (Tigre negro)

Heiku (Tigre negro)

Tigre negro

As técnicas pesadas e intensas de Heiku são símbolos do tigre negro masculino.

Tigre Branco

Tigre Branco

Paiku (Tigre Branco)

Paiku é um kata delicado, contudo poderoso sugestionando um tigre fêmea.


Pachu

Pachu

Pachu

Este kata é caracterizado por suas técnicas estáticas e explosivas apenas como um dragão que dança em um movimento circundando ao arrebatar a esfera.

E esse foi a última parte da nossa série sobre os estilos de karate de Okinawa. Espero que vocês tenham gostado e que essas publicações tenham despertado o interesse pelas origens do nosso karate. Não pare por aqui, continuem suas pesquisas, procurem aprender mais sobre os primórdios da nossa arte e lembrem: O conhecimento liberta!
Um abraço e até mais, e não se esqueça de compartilhar e deixar seu comentário, que é importantíssimo para nós.

Oss!

____________________________________________________________________________________
Fonte: Wonder Okinawa – Centro de Estudos da Prefeitura de Okinawa em Manifestações Culturais e Artes Marciais. http://www.wonder-okinawa.jp/023/eng
NAKAZATO, Jyoen; OSHIRO, Nobuko; MIYAGI, Tokomusa; TUHA, Kiyoshi; KOHAGURA, Yoshinobu; HIGAONNA, Morio; TAIRA, Yoshitaka; SAKUMOTO, Tsuguo. Karatê de Okinawa e Artes marciais com Armas / Okinawan Karate and Martial Arts with Weaponry. Disponível em: <www.wonder-okinawa.jp/023/eng>. Acesso em: 20 jun. 2005

Sobre Tiago Frosi

Mestre em Ciências do Movimento Humano pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, Brasil. Professor de Karate, estilo Shotokan, na Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Centro de Treinamento Alcance e Associação Israelita Hebraica, em Porto Alegre, Brasil. Instrutor de Tai Chi Wu-Xing na Universidade Holística Internacional, campus Unipaz-Sul, Porto Alegre, Brasil. Terapeuta Transpessoal. Estudioso da cultura oriental, ciência baseada no paradigma emergente, espiritualidade, transdisciplinaridade aplicada à saúde e às práticas corporais.

Publicado em 27/03/2014, em Nossos Colunistas, Tiago Frosi e marcado como , , , , , . Adicione o link aos favoritos. 6 Comentários.

  1. Muito bom Sensei Tiago. As vezes treinando um determinado estilo, em competições acabamos não entendendo o porque de certos movimentos serem diferentes do que treinamos e essa matéria é interessante até mesmo para ampliar nossa visão sobre karatê. Acompanhei toda a série e foi bastante informativo e curioso. Oss.

    Valeu.
    Francis Braga.
    Academia Power Fitness, Marília/SP.

    Curtir

  2. Alex Araújo

    Só tenho a agradecer e elogiar a iniciativa de matéria tão grandiosa como essa. Parabéns Tiago e continue trazendo informações e aprendizagens para nós Karatecas. Oss!

    Curtir

  3. antonio sergio gomes de oliveira

    ESSA SÉRIE FOI NOTA 10. OSS.

    Curtir

  4. Alex Araújo

    O que está havendo com o blog que está sem atualização há dias? Estamos sentindo a ausência!

    Curtir

  5. Heleno Bosco S. de Barros

    Parabéns Sensei Tiago pelo trabalho Herculeo realizado na descrição dos vários estilos do karate okinawano. Muitíssimo interessante! Oss

    Curtir

  1. Pingback: TOP 5 de 2014! | PINTO KARATE DOJO

Deixe sua opinião por favor. Oss!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: