Curso com Tanaka Masahiko Sensei

講習会日本空手協会浜松市 - 田中昌彦先生
Curso com Tanaka Masahiko

Curso com Tanaka Masahiko

Certa vez um sensei me disse que a diferença entre os bons e os melhores estavam nos “detalhes”, pequenos porém de grande importância, foi justamente esses detalhes que Tanaka Masahiko sensei, um dos grandes instrutores da JKA frisou em seu curso .

Realizado nesse último sábado (07/02/2009) na cidade de Kakegawa -Shizuoka (Japão), com duração de quase 6 horas, o curso não foi tão “carrasco” quanto todos esperavam , foi objetivo ,a quantidade de participantes foi resumida , talvez por conta da correria do fim de ano fiscal muitos não puderam comparecer por conta do trabalho , mas mesmo assim houve 2 turmas, a de adultos acompanhada por Tanaka sensei e a de crianças , que foi instruída por Shimizu sensei .
O curso teve início com uma breve palestra de Tanaka sensei, contando os “causos ” que ocorreram nesses mais de 40 anos de karateka ( muita bagagem e muitas histórias com certeza) , falou da importância do fundamento e do treinamento de kata o que aliás, foi o “tema ” do treino ,ele relatou que em um mundial no qual ele participou foi desclassificado na modalidade de kata executando o Heian Shodan ( pois é !) e certa vez trocou o Heian Godan pelo Bassaidai , eles também erram , e por que não ? ( risos)
A primeira técnica corrigida foi a posição de shinzental ( posição natural) sua largura e outros por menores, a partir disso veio as demais correções, como o Choku tsuki ( soco reto ) e a base zenkutsudachi, acredito que a correção do choku tsuki foi por conta do nível de alguns kuro obi , muitos senhores “usuários de dogi” se fizeram presentes , o que não contribuiu muito na qualidade , quando foi perguntado por Tanaka sensei quem treinava diariamente com a makiwara , poucos se manifestaram ( pouco mais de 8 participantes , eu e meu companheiro de treino Honda san estávamos nesse pequeno grupo),vários detalhes foram corrigidos nas técnicas de mão , assim como as de pernas, mas a que mais me chamou a atenção foi no zenkutsu dachi, anos venho treinando tal posição na largura dos meus ombros , e no curso descobri que executando na largura dos quadris minha base ficava mais forte , era uma novidade para mim.
Coisas como o recuo do calcanhar que é um defeito enorme e comum por aqu

i , a falta do uso dos quadris , postura incorreta e o uso da força muscular confundido com KIME foram outros temas citados, para maioria isso era novidade , haja visto que era comum ver isso tanto em alguns jovens quanto nos mais antigos na prática.

A maioria das técnicas executadas na posição de zenkutsu dachi eram feitas com uma postura mais elevada, sem a extensão do zenkutsu que estamos costumados a ver , Tanaka sensei falou da importância dessa forma , demonstrou isso no kata Heian Shodan ecitou até uma foto antiga de Funakoshi sensei com suas posturas altas , quando fui chamado para demonstrar o gyako tsuki tive que o fazer é uma postura diferente da que costumo , me causou muita estranheza e até desconforto, falta de costume acredito e espero , mas a diferença na eficiência era visível ( a única coisa ruim foi quando ele apoio seu peso no meu braço , pensei que teria de ir ao torneiro para apertar os 8 parafusos da platina, aquilo doeu!)
A cada movimento mesmo o mais simples e lentos , era visível o profundo conhecimento tanto corporal quanto didático que os anos de treino proporcionaram a Tanaka sensei, a facilidade de executar uma técnica , uma postura ( base)era jovial mesmo com seus mais de 70 anos , seus pés pareciam raízes de uma enorme árvore

cravadas no solo , sem mencionar o espírito feroz que seu semblante demonstrava quando defendia ou atacava , o uso da força era quase nenhum quando ele parou com um maegueri um participante vindo ao seu encontro em oitsuki ( pobre coitado , ficou com o abdômen dolorido com certeza) , suas explicações eram simples.

Um dos pontos negativos do curso foi a pouca ênfase no kumite , não propriamente dito , mas o treino de kihon ippon e derivados , foram pouco mais de 30 minutos de treino especifico , sem muitas variedades , o pessoal jovem ficou no desejo , por outro lado a turma de até 18 anos ficou a mercê do ” carrasco ” Shimizu sensei , onde a tortura do dia foi a repetição , lembro-me que no momento de descanso de nossa turma eu observei o treino de mawashi geri das crianças, consegui contar até 50 repetições, depois retornei ao meu treino (a garotada continuou com o mawashi geri , como cara de desespero , hehehe).
Após o curso houve o curso de arbitragem que teve continuidade no dia seguinte , mas infelizmente esse eu não participei pois iria trabalhar , ficou para uma próxima oportunidade.
Só para fazer inveja aos karateka brasileiro , um curso com essa estrutura e com um sensei deste gabarito nos custou 1 mil yens ( aproximadamente 25 reais), sei que o fato de morar no Japão facilita um custo barato , porém temos muitos sensei de qualidade no Brasil que através de suas organizações poderiam também promover tais cursos com taxas similares, tudo é uma questão de organização , tanto de dirigentes quanto de participantes.
No fim do curso procuramos Tanaka sensei para uma seção de fotos , mas fomos aconselhados a desistir , muito rígido com as tradições, ele desapareceu no meu dos participantes e só o encontramos minutos depois, vestido com kimono tradicional ( a roupa japonesa , aquelas da era samurai), sempre calado e de poucas respostas, então resolvemos deixar para outra vez, pelo menos Shimizu sensei se mostrou mas “liberal”, cercado por fãs, distribuindo autógrafos e pousando para fotos, perguntei se ele iria participar do Mundial da JKA que será esse ano aqui no Japão , e como já era de se esperar a resposta foi sim e terminando com o “bordão japonês” – Vou me esforçar ao máximo! ( eles sempre dizem isso )

Ibata Dojo

O Ibata Dojo também participou do curso , os amigos Ibata sensei e Getúlio san estavam lá , mesmo com toda a dificuldade da rotina difícil do Japão , Getúlio san saiu do seu trabalho noturno direto para o ginásio , o amor pelo karate é bem maior que o cansaço e convenhamos , não é sempre que temos a oportunidade de um curso com tal ministrante , mesmo morando no Japão , Ibata sensei firme e forte , levando seus alunos e participando com vontade do curso , são os brasileiros que honram o karate “tupiniquim” na Terra do Sol Nascente.
Acredito que no fim do ano teremos aqui na nossa cidade ( Hamamatsu) mais um curso ministrado por algum instrutor do Hombu dojo JKA, em setembro teremos o Campeonato Mundial da JKA que acontece a cada 2 anos ( 11º Ginchin FUnakoshi Cup), estou ancioso para assitir e encontrar os colegas da CBKT , Mateus e Clóvis que me prometeram vir prestigiar a competição e “trocar figurinhas ” de karate.

Um abraço a todos, e semana que vem o blog vai esta atualizado com certeza, hehehe!

Oss!

Sobre Pinto San

Estudante de karate há quase 20 anos, amante da cultura japonesa desde os 8 anos de idade e viciado em lámem. Casado com Priscilla Pinto ( filha de japonês), decidimos vir para o Japão pra levantar uma grana trabalhando nas terríveis fábricas japonesas, e treinar muito karate. Treino em um pequeno Dojo no interior do Japão, mas todos os anos em embarco em aventuras pelo país/ilha, procurando os melhores dojo de shotokan para aprender mais karate. Meu objetivo é simples, ser o melhor karateka do mundo! Claro que isso é impossível, mas no fim das contas o mais importante mesmo é a jornada.

Publicado em 21/02/2009, em WorkShop - Cursos e marcado como , , , , . Adicione o link aos favoritos. 10 Comentários.

  1. H.M.Vijaya Kumara

    Dear Sir,

    Affiliation to Karate Centre

    I am from Srilanka. First of all I like to introduce my self to you. That I am H.M. Vijeyakumara from Kalpitiya , Sri Lanka and I have been engaged as a Karate Trainer under the Organisation named Shotokan Karate Association. I am covering all the provinces in Sri Lanka and I am in the 5th Dan. But I am not asking you to grant me 5th Dan. You may test me and give me the suitable position. My former Grand Master was Mr. Chew Choo Soot. Unfortunately he died in 1997. Thereafter I have no any Grand Master to follow. After 1997, I am individually running my Association and have been promoting the Karate to the higher standard.

    I am very much anxious to improve this standard still further in Sri Lanka . For this purpose I have no Grand Master to accomplish my task. Therefore I need a Grand Master to achieve higher standard. Hence if you can affiliate me to your Centre and permit me to introduce your style, I could be able to improve the standard of Karate in Sri Lanka to an excellent standard. I am engaged in this field with enthusiasm while make it a way of earning for me.

    Therefore I kindly request you to provide me affiliation to your style in Sri Lanka .

    Yours faithfully,
    H.M.Vijeyakumara,
    89/7, Mutuwal Street ,
    Kalpitiya,
    Sri Lanka .
    Post Code: 61360

    Curtir

  2. Ednardo Martins Toledo

    Parabéns, Pinto san, por estar ainda tão firmemente treinando, espero que sua rotina se compatibilize gradualmente com seu modo de vida. É muito interessante ver tudo o q vc compartilha conosco aqui em seu Blog. Interessantíssimo o curso. Por aqui participo de cursos ao menos uma vez ao ano com Edson Nakama, aluno de Juichi Sagara, aluno direto de Funakoshi sensei. Bacana mesmo. Já venho acompanhando seu Blog há um bom tempo. Embora me empolgue muito o lado esporte do karate. Não deixo de praticar e respeitar as raizes dessa bela arte marcial. Oss!

    Curtir

  3. DELAVEDOVAde

    oss
    venho tambem acompanhando seu blog e vejo como e grande esta arte e acredito mais ainda na nenessecidade de ter uma nificação do karate pelo mundo para se ter o mesmo fim (que e o começo). mesmo sendo utopia minha acredito que se tivesse um pouco mais de esforço dos dirigentes da kategoria no mundo isto seria feito principalmente para parar de ter-mos picaretas do karate. o que tu faz e digno de aplausos e voce merece a consideração dos mestres por ter um apaixonado pela arte e estudioso dignificando a mesma.
    espero um dia poder trocar figurinhas com sua pessoa, como diz voce, dentro do karate. tente por favor explicar porque se faz um kata tão diferente e com esta velocidade que se e visto em campeonato dai e os campeonatos daqui, não gosto de campeonato, mesmo os de academia.
    oss

    Curtir

  4. Pinto San! Muito legal o post. Tanaka Sensei é realmente impressionante. Fiz um curso de “Instructor / Coach” com ele no final de 1991.

    Aprendi muito com ele e apanhei um pouco quando ele demonstrou sua técnica em alguns de nós. Foi uma honra estar em sua presença e descobrir que não sabia nada sobre Karate-Do.
    Ossu!

    Curtir

  5. Gabriel Medeiros

    Pinto queria fazer um pedido!

    Hoje em dia,com a transformação do karatê em esporte, houve uma banalização arte de tal forma que fica difícil se aprende um karatê legítimo.Via de regra os atuais atletas não conhecem a grande diversidade golpes,nem muito menos a sua própria nomenclatura.E justamente por isso que queria te sugerir,aliás,te pedir, que fizesse vídeos, descriminando golpes,as suas aplicações, dando a noção da pronúncia correta, a traduçaõ das correspondentes nomenclaturas. Sei que isso é um pouco exagerado, mas sou um estudante de karatê aficcionado, amo karatê!E quero aprender tudo qur for possível, até o mais simples.O motivo desse pedido é que sou um faixa preta,e não tenho o domínio de tudo aquilo que deveria saber, e é por isso que sinto essa necessidade, por que quero honrar minha faixa, quero ser um faixa preta de verdade!

    Quando conheci seu blog, começei a acompanh-lo, e enxerguei a oportunidade de aprender com você o original karatê, saído da fonte!Então se você poder ajudar?

    Parabéns por sua iniciativa!

    Já aprendi muito com você!

    Osu!

    Curtir

    • Juro que já tava desconsiderando o seu pedido por ter achado abuso , mas vc acabou tocanod meu lado sentimental, kkkkk.
      Não vou fazer os vídeos, já que tenho cereteza que alguns incomodados irão cair de pau. Mas vou garimpar na net e na minha pequena videoteca, e postar esses golpes , se não houver a pronúncia do nome e a tradução, eu vou fazer isso na edição dos vídeos e posto. Eu não gosto de fazer essas coisas com o blog por que existem outros que postam isso , na verdade postam somente isso no esquema Ctrl+C Ctrl+V, acho que glogs devem ter algum conteúdo próprio e original, mas como eu falei, seu pedido me tocou….
      Me dê somente um tempo para organizar isso. Oss!

      Curtir

  6. Juscelino Frazão

    Nobre Pinto san,
    Cada vez que leio seus escrtitos, vejo que seu conhecimento e seu amadurecimento,
    Dentro do karate se torna mais palpavél.
    Isso mostra a sua determinação e seu amor pelo karate.
    Queria que uma parcela maior de karatecas, tivesse a oportunidade de poder ir ao japão.
    Ou poder participar de grandes cursos mesmo no Brasil.
    Aqui no brasil, tudo é mais dificil, inclusive no nordeste brasileiro, onde poucos tem condições de ir aos grandes centros, como São paulo e Rio.
    Onde acontece os maiores eventos e curso em nosso país.
    Mas hoje com a internet, e com pessoas propagadoras do conhecimento, como o senhor.
    Muitos tem a oportunidade de aprender um pouco mais desta amavél arte.
    Muito obrigado, e continue firme em sua jornada.
    Que 2012 seja um ano de realizações, em sua vida!
    Que Deus o abençoe

    Juscelino Frazão
    GoiÇania Goiás- Brasil

    Curtir

  7. Osu Pinto san ! Muito bom o post. Agora fico eu aqui animado para ir no curso que ele vai dar no Brasil…vamos ver se conseguirei..haha

    Osu!

    Curtir

  8. Oss Pinto San! Meus parabéns pelo seu sucesso e perseverancia nos treinos de Karate Shotokan.
    Gostaria de saber o local do seu DOJO no Brasil.
    Abraços,
    Guedes

    Curtir

    • Ola Guede, obrigado pela consideração. Na verdade eu moro no Japão já a 7 anos e não sou sensei , logo não tenho Dojo no Brasil.
      Mas comecei a treinar karate ainda em Pernambuco ( sou Recifense).
      Um abraço, oss!

      Curtir

Deixe sua opinião por favor. Oss!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: